sábado, dezembro 31, 2011

Um belíssimo ano.



E tempo de refletir, é tempo de guardar aquilo que nos fez bem e jogar fora tudo que não serve mais. Renovar as esperanças. Rever nossos planos, olhar pra trás e jogar numa balança tudo o que foi vivido e saber o quanto evoluímos, o quanto crescemos e ver que podemos ainda muito mais. Que cada sorriso, cada palavra, cada pessoa, cada momento seja eternizado não só na memória mas em nossas vidas.
E meus votos são de : Paz, um amor correspondido, um amigo de verdade, palavras sinceras, sentimentos mais sinceros ainda, , histórias pra contar, lágrimas de alegria, sem sofrimento, sem dor, sem percas, mas se houver que seja pra te mostrar que você é muito mais forte do que você pensa e que você é capaz!





HOPE!
um belíssimo ano.

terça-feira, dezembro 27, 2011

Diferente.



”Sabe do que eu gosto mesmo? Gosto de abraços inesperado, bem apertado, que da pra ouvir até as batidas do coração. Gosto de beijo roubado, aquele beijo sem desespero, beijar numa hora que menos se espera, beijar como se fosse o último e o primeiro beijo. Gosto de sorrisos de lado, gargalhadas altas, sem o menor medo e vergonha de ser feliz; gosto daqueles sorrisos bem abertos, que você consegue ver até o interior da pessoa, e ver o tamanho da felicidade, ou o tamanho da tristeza que ela esconde atrás de um sorriso. Gosto da sinceridade, mas não aquela que machuca; mas aquela sinceridade de olhar nos olhos e dizer tudo o que sente, o que pensa, dizer tudo, sem esconder nada. Gosto de pessoas que sabem perdoar, que sabem pedir desculpas, pessoas que não vão embora, e que não me deixam ou me trocam quando encontram alguém melhor que eu; sou apaixonada por pessoas diferentes, que tem seu jeito próprio; pessoas que agem e me tratam diferente de todas as outras me encantam. É disso que eu gosto.”


Kássia Ferreira (poetas-suicidas)

sábado, dezembro 24, 2011

FELIZ NATAL


Tem gente que entra na nossa vida de forma providencial e se encaixa naquela história que gosto de imaginar: surpresas que Deus embrulha pra presente e nos envia no anonimato. Surpresas que só sabemos de onde vêm porque chegam com o cheiro Dele no papel.


quinta-feira, dezembro 15, 2011

Ensinamentos.



"Aprendi que dessa vida, nada se leva..
que amores eternos sempre acabam...
que melhor amigo não existe e que são poucas as pessoas que estão do seu lado quando você cai e te ajuda a levantar...
aprendi que a única pessoa que você pode confiar plenamente é você mesma...
aprendi que a distância não diminui o amor e as vezes a presença diária destrói um...
aprendi que falar pouco é melhor pra mim...
e que ouvir mais faz diferença...
aprendi que a raiva passa...
aprendi que faz bem perdoar e se arrepender...
aprendi que a verdade pode doer mais que a mentira dói mais ainda...
aprendi que não deve se explicar pra todos...
aprendi que a saudade dói muito...
que o sofrimento te consome e que pra ser feliz não precisa de muito!...
mais eu aprendi também que tudo passa e que só fica o que é realmente verdadeiro."

quinta-feira, dezembro 01, 2011

Lembranças.



As fotos na estante me fazem lembrar do passado tão sonhado. As músicas na minha playlist tocam para me fazer sentir os momentos. A brisa me trás boas recordações. A noite, pesadelos vividos no mundo real. Cada pedacinho do que está aqui, a minha volta, tem um significado.Ando carregando nas minhas caixas internas de lembranças, momentos, pensamentos e sentimentos coisas de mais. Ando me sobrecarregando de momentos antigos e sentimentos que já não existem mais. Esse novo ano que começa em alguns dias está exigindo de mim uma limpeza de tudo isso. Vou esvaziar caixas e jogar foras as coisas que não me pertencem mais. Vou deixar tudo que não me faz bem de lado e mergulhar no novo, no diferente no inesperado! Vou viver diferentemente. Vou nascer para uma nova vida, com pequenos elementos (e importantes!) da antiga pessoa. Vou carregar apenas o bom, o saudável, o bonito e o melhor.

domingo, novembro 13, 2011

Viva e deixe viver...



Eu me sinto bem em meio de abraços demorados, prefiro os beijos intensos de saudade, mas acho lindo o beijo na testa e adoro sentir meu coração apertado. Acho uma delícia quando alguém esquece os olhos em cima dos meus, meus olhos sempre brilham quando isso acontece... Meus olhos sempre me entregam. O lugar preferido dos meus pés são nas batatas das pernas de alguém e as minhas mãos amam fazer cafuné e são natas em massagem. Acho fidelidade um dom, odeio falsidade e amo qualquer coisa que me dê segurança. Minhas dúvidas surgem com facilidade, me embolam... mais isso sempre passa rápido porque a maioria é momentânea, não porque só valem o momento, mais porque surgem duvidas novas acompanhadas de momentos novos.

terça-feira, novembro 01, 2011

EU.



De uns tempos pra cá, muita coisa mudou. Terminei um namoro. Deletei um monte de gente da minha vida. Tudo sem um pingo de remorso. Quem me conhece, sabe que eu nunca fui assim. Sempre dei segundas, terceiras e décimas chances pra todo mundo. Sempre compreendi os erros alheios. Chorei e sofri junto. E passei a mão na cabeça de quem fingia querer o meu bem. Estou mentindo? A verdade é que, se me analisarem hoje, eu virei outra pessoa. Sou quase a mesma de sempre, mas sinto que não sou mais boazinha. Minha tolerância acabou, minha intuição fareja à distância uma cabecinha ruim. Não aceito mais ser amiga de gente mal-resolvida e que me ferra pelas costas. Não tenho raiva de ninguém, mas minha prioridade agora é uma só: EU. Podem me chamar de egoísta, eu aceito. Mas chega uma hora na vida que a gente tem que parar de ser boa com os outros e ser boa – primeiramente - com a gente. Fiquei amarga? Não mesmo. Agora eu sou prática. Vacilou? A porta está aberta, meu bem. Sem dó nem piedade. Outro dia uma amiga me disse uma frase que prometi não esquecer: quando o “ajudar ao outro” começa a te prejudicar, chegou a hora de parar. Ok. Me desculpem, então, os que larguei à deriva. Salve-se quem puder! (não é esse o clima?). É, gente, infelizmente, tudo tem seu limite. A gente nunca vai ajudar alguém que (de alguma maneira) quer te prejudicar. É a mesma coisa que salvar quem está afogando. Se bobear, um abraço... em um minuto, os dois estarão lá no fundo. Acho que deveria ser instituído com amigos igual fazemos com namorado. Uma coisa do tipo: querida, vamos terminar... acho muito digno. E até saudável. Afinal, se quase nada é eterno, quem disse que amizades não podem chegar ao fim? Eu sempre fui boazinha, admito. Mas... eu fui! Agora, acreditem ou não, não sou mais. E não vou tolerar ninguém que me faça ter sentimentos que não sejam incríveis. É uma questão de respeito com a minha própria vida. E comigo mesma. Não quero. Não posso. Não vou. E, se insistir, eu vou botar pra quebrar, despejar cada palavra dura, doa a quem doer. Estão com medo? (eu estaria). Cansei de cobranças, chantagens emocionais, meu coração antes mole ficou forte, imaginem só! Então pra você que acha que eu sou a mesma boba de sempre (que escuta, releva e põe panos quentes), um aviso: tome cuidado comigo. Porque agora que eu sei o que me é caro, não vou mais deixar barato.

sábado, outubro 29, 2011

Desabafo.



A verdade é que as pessoas nunca estão satisfeitas com quase nada que faço. Acham que eu devo agradá-las a todo momento, acham que só o que eu faço é errado, acham que tudo de bom que acontece na minha vida é graças à elas. Sabe, prefiro ignorar esse padrão de ‘ser perfeitinha’ a todo e qualquer momento. Gosta de mim? Beleza, fico grato por isso. Não gosta? Entra na fila, e fique sabendo: ela é grande. Me ame ou me odeie, ambos estão ao meu favor. Pare definitivamente de achar que eu nasci pra seguir regras, padrões e tudo mais. Sou livre pra fazer o que bem entender, e não preciso que as pessoas acreditem na minha inocência para ter certeza de certas coisas. Se nada der certo, tudo bem, a vida continua, mas com um “Foda-se” bem alto saindo da minha boca.



Sentimentos, não são roupas, que você pode simplesmente trocar.

segunda-feira, outubro 17, 2011

Difícil.



Acho que eu sou a prova viva de que: "Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas". Me apego extremamente a algumas (poucas) pessoas e não tenho a habilidade de perceber quando elas já não se responsabilizam mais por mim. O problema é que a vida afasta as pessoas, e eu continuo sentindo por elas o mesmo bem-querer de sempre, sem perceber que pra elas eu já me tornei apenas mais uma...

Ainda não aprendi a lidar com isso.

terça-feira, outubro 04, 2011

Sem porquês.



Quer me magoar? Diga que não sabe, adie, esqueça, diga que não tem certeza. Eu descobri: palavra para mim é coisa séria. Não que eu seja santa e imaculada, não que você seja sujo e imprestável. Mas procuro pensar bem antes de machucar. Prefiro ter conversas sérias olhando no olho. Prefiro entender que se algo é importante para você, vamos resolver, vamos falar sobre isso. As coisas não se resolvem pegando só o lado bom. A vida não é uma garrafa de Coca-Cola (“viva o lado bom da vida”). A vida, muitas vezes, é uma garrafa de uísque, e bem "xexelento". Tem gente que confunde as coisas. Não sou uma boneca, a gente não vai brincar o tempo inteiro, não posso ir para o quartinho de brinquedos, não pode me guardar no armário, não dá para me colocar na estante e pegar quando bem quiser. Eu também confundo as coisas. Ninguém sente igual a mim, ninguém gosta de tudo muito claro e transparente, às vezes as pessoas só querem viver. Sem porquês. E eu penso: por que questiono tanto? Não seria mais fácil ficar quieta e nadar de acordo com as ondas? Pode ser. Mas não consigo prender a respiração por muito tempo.

terça-feira, setembro 27, 2011

Máscara.



Ao contrário do que a maioria das pessoas pensam, as coisas não são fáceis. É muito fácil olhar para o meu sorriso de todas as manhãs e me julgar uma pessoa de bem com a vida. Eu não sofro 24 horas, eu não passo todas as minhas noites em claro chorando. Eu sei me controlar. Eu sei sorrir quando devo. Mas também dói em mim. Eu também sinto aquela sensação de angústia de perda. Eu sinto saudade do passado. Eu me apego as coisas pequenas, eu rolo na cama por não conseguir dormir. Eu respiro devagar quando quero evitar as lembranças. Também me machuca o que ninguém mais se lembra, mas o que eu jamais serei capaz de esquecer.


"Às vezes você tem que esquecer o que quer, para começar a entender o que você merece."

quarta-feira, setembro 21, 2011

Cansativo.



Sempre me canso de tudo. Das pessoas principalmente. Não sei dar um sorriso forçado, não sei falar com quem eu não gosto, não sei fingir interesse. Futilidade me cansa, amizade forçada, carinho exagerado e todas essas obrigações também. É difícil algo me interessar verdadeiramente, acho tudo tão repetitivo. As mesmas conversas, mesmas piadas sem graças, os mesmos sorrisinhos e todo aquele papo furado. Normal demais, tedioso demais. É quase impossível achar alguém que me faça ter vontade de ficar perto ou de conversar o tempo todo.


Gosto de reticências, ponto final é tão doloroso.

sexta-feira, setembro 16, 2011

Mudanças.



Uma vontade imensa de mudar de cidade, andar do outro lado da rua, mudar o guarda-roupa inteiro. Cortar o cabelo, conversar com outras pessoas que não conheço, encontrar um novo amor, viver outras primaveras. Uma necessidade surreal de inovação, de qualquer coisa que seja diferente, de qualquer coisa que me faça ver que dessa vez vai ser diferente. A possibilidade de ter um outro final além desse. Agora. Já. Nesse mesmo instante.


O tempo passa, as pessoas mudam, eu mudei e parei de me importar com muita coisa.

quinta-feira, setembro 15, 2011

Elimine!



Existem momentos na vida que é necessário excluir pessoas, apagar lembranças, jogar fora o que machuca, abandonar o que nos faz mal.
Se libertar de coisas que nos prendem, olhar para frente e enxergar os caminhos ao nosso redor, ao invés de insistir sempre no mesmo erro e na mesma dor. Aprenda a gostar de você, a cuidar de você, e principalmente a gostar de quem também gosta de você! Não desista e saiba valorizar quem te ama, esses sim merecem o seu respeito. Quanto ao resto, bom.. ninguém nunca precisou de restos para ser feliz.

Cuide apenas daquilo que for verdadeiro..o que não for, deixe passar.

segunda-feira, setembro 12, 2011

"Alguém como você"



"Ás vezes o amor dura, mas, ás vezes fere em vez disso."

Adele

domingo, setembro 04, 2011

Sofremos.Amamos.





A vida é tão complicada. Um dia ganhamos e em outro perdemos. Sofremos. Amamos. Lutamos. Um mix de tudo. Mas, aprendi, que amanhã pode ser bem melhor. Uma luta. Uma alvorada nova. A cada amanhecer, estaremos dispostos a ganhar ou a perder. Mas também estaremos aptos a sermos felizes, em qualquer hipótese!

quinta-feira, setembro 01, 2011

Agarre!



Alguém vai te estender a mão quando você estiver caindo. Alguém vai amar todos os seus defeitos acima das qualidades. Alguém vai querer mais que seu bem, vai querer sua atenção, sua felicidade e seu amor. Um aviso: Não deixe essa pessoa escapar. Por que a chance de achar alguém como ela é de 1% em todo lugar. Se apegue, seja feliz e acima de tudo… Ame.




Não importa a opinião do outros, o que importa e se te faz bem ou não.

segunda-feira, agosto 29, 2011

Por mim.


Vou ser extremamente sincera, eu digo que sou forte, mas é pra esconder minhas fraquezas. Eu digo que não vou sentir saudades, mas passo noites lendo mensagens e revendo fotos. Eu digo que não correria atrás, mas na primeira oportunidade estou tentando fazer as coisas darem certo.
Eu faço isso por mim, não é nem por você, só faço pelo medo de desperdiçar mais uma chance com você, de ver minha felicidade escapar e correr o risco de dizer depois que não fiz nada pra segurá-la. Então, eu faço, corro, choro, mas não deixo de tentar.


Não importa o que te disseram, você é maior do que as palavras.

sexta-feira, agosto 26, 2011

Na sua vida.



Eu queria te abraçar. Mas não só te abraçar, eu queria te abraçar bem apertado, por muito tempo. Eu queria receber uma mensagem sua de madrugada, não precisava de nada demais, seria só pra mim ver que você pensa em mim. Eu queria ir na sua casa, conversar com sua mãe, conhecer seu pai, falar mal de você pro seu irmão, eu queria poder fazer parte da sua vida. Eu queria ouvir sua voz no meu ouvido, sentir seus braços pela minha cintura. Eu só queria poder ter você pra mim, e fazer de nós o relacionamento mais lindo que nasceu de uma amizade. E eu só queria mais uma coisa, eu queria que você quisesse o mesmo.



As vezes um olhar diz mais do que palavras. Muita vezes tive medo de olhar nos teus olhos e ver de verdade o que não queria. Enxergar!

segunda-feira, agosto 22, 2011

Arrisque!



Pare de fingir que tudo está bem, de que não se importa mais com isso. Chega de tentar fugir de algo que está aí dentro, chega de mentir para si mesmo. Acho que já está mais do que na hora de você encarar os fatos, deixar pra lá esse orgulho todo, e ao menos uma vez na vida, se arriscar pra ver o que acontece!




E todo o passado é apenas uma lição que aprendemos.

quarta-feira, agosto 17, 2011

"A" pessoa.



Eu preciso de alguém. Não qualquer pessoa. Alguém que esteja disposto a cuidar de mim. Que aprenda a lidar com meus defeitos, com minhas teimosias. Alguém que aguente minhas mudanças de humor, meus desabafos sobre a vida. Alguém que me prove o contrário quando eu disser que não consigo mais sorrir. Que esteja do meu lado e me ajude a levantar quando eu cair. Eu preciso de alguém que realmente se preocupe em fazer durar. Não para sempre, mas o tempo suficiente para que se torne inesquecível.
 
Aprenda a dar valor para as pessoas certas. Cuide de quem cuida de você.

domingo, agosto 14, 2011

Pai.



Pai é a mesma coisa de mãe com bigode, os dois tem quase a mesma função, a única diferença que a mãe tem seu papel maternal de gerar e alimentar, e mulheres são mulheres, tem todo a delicadeza, mas agora sã outros quinhentos, o sujeito em destaque são os “pais”. E Pai tem de todo tipo, aquele brincalhão que está sempre jogando uma piadinha e é a diversão da galera. O Pai bonitão, que se veste super bem e que as amigas ficam de olho. O pai bravo, que comporta toda aquela pose de machão, mas no fundo é sentimental. O pai coruja, que não deixa a filha sair de roupa curta por causa do ciúme. O Pai de primeira viagem, um pouco desajeitado e bobão. O Pai ditador, que para emprestar o carro em uma sexta a noite é uma luta. O Pai liberal, que sempre faz todas as vontades do filho. O Pai moderno, que está sempre antenado com as novas tecnologias. O Pai babão, que adora presentear o filho e perguntar se já comeu isso e aquilo. Tem lá também aquele pai que não é o mesmo de sangue, mas faz o papel como ninguém e outras vezes é a própria mãe que faz o papel de pai, com meu irmão. Mas Pai tem de todo o tipo, mas seja como for o seu pai, ele te acompanhou desde pequeno e te ensinou o que é o certo e o que é errado, claro que ele foi um pouco chato às vezes ou quase sempre, mas acredite, ele sabe o que faz. Eu não sei o seu, mas o meu pai se comunica comigo muitas vezes por olhares, e geralmente um olhar bravo que muitas vezes me fez sair correndo. Mas amo o meu, de fato ele é a minha mãe de bigode e que eu daria a minha vida pra proteger, é aquela coisa de amor incondicional. Mas desculpa ai, mas meu pai é o melhor do mundo.



Se um dia encontrar um homem que prove ser um terço do que seu pai é, case-se com ele.

sábado, agosto 13, 2011

Só você sabe.



Já esperei tanto das pessoas antigamente, que hoje não crio mais expectativa nenhuma. Não sonho, não idealizo, só deixo acontecer. Sempre espero que as pessoas me magoem e sempre espero a ida delas da minha vida. Porque, desde sempre, foi assim. Pessoas vem, eu as amo, elas me magoam, depois vão embora. E doía pra caramba. Agora, já sei como é esse ciclo, e não me surpreendo tanto se isso acontecer. Mas sei que mesmo assim, ainda vai doer.



Seus problemas podem não ser os piores, mas só você sabe o quanto dói.

sexta-feira, agosto 12, 2011

Hoje...



Hoje eu só queria ouvir ”te procurei pra saber se você tá bem”.

sábado, agosto 06, 2011

Várias voltas.




Eu sempre paro pra pensar, nas voltas que a vida dá. Nas pessoas que partem, nas pessoas que ficam. Nas pessoas que entram sem avisar, e quando percebo já se tornaram parte de mim. Eu sempre paro pra pensar se o tal do destino existe. Se existe alguém que realmente nasceu pra mim. Se eu devo esperar. Se eu devo lutar por algo, ou até mesmo por alguém. Se eu devo deixar as coisas como estão. Se eu devo fazer algo pra mudar. Tantas perguntas em minha mente. E talvez as coisas mudem, quando eu menos esperar. Talvez… Mas isso só o tempo dirá.


Ruim é quando a gente sabe a verdade, mas prefere não acreditar.

terça-feira, agosto 02, 2011

Alguma coisa.



Eu ando tão… sei lá. Como se faltasse um pedaço. Como se eu não estivesse completa. Eu não estou nem triste e nem contente. Apenas conformada. Não sei se essa história de conformismo é boa, mas de todas as vezes que eu lutei para mudar a situação, nenhum delas adiantou em nada. Agora funciona assim, se acontecer, bom. Se não, fazer o quê.


Você já sentiu como se tudo que você fizesse ninguém desse valor?

domingo, julho 31, 2011

Em frente.



Uns dizem: Chora, faz bem. Outros dizem: Não chora, não adianta de nada. Acho que a junção disso se tornaria: Só não pode chorar por quem não vale a pena. Mas daí eu me pergunto como saber se a pessoa vale a pena mesmo? Como saber se ela não vai te magoar um dia? Acho que a resposta seria: Nada pode ser perfeito, até robôs tem seus defeitos, porque um ser humano deveria ser perfeito? Então entre o chorar e o não chorar, eu prefiro curtir o momento independentemente do que me acontecer, afinal, o futuro é a morte, e disso ninguém escapa.


Talvez o final feliz, seja só seguir em frente.

quinta-feira, julho 28, 2011

Fora do ar.



Esses dias eu venho me sentindo assim, como se estivesse fora do ar, desligado do mundo a minha volta. É como se estivesse com algum defeito de funcionamento, quem sabe não é de fábrica? Ou será que foi adquirido com o tempo? Agora, pouco importa, tudo de que preciso é de um bom conserto, algo que me faça acordar, me faça sentir o que já venho ignorando há muito tempo.


Seja feliz, hoje. Amanhã é uma ilusão. Ontem é uma lembrança.

terça-feira, julho 26, 2011

Me ame de volta.



Estou em um momento da minha vida sei lá, sinto falta de alguém pra conversar, dividir histórias do cotidiano, os meus sonhos para o futuro e quando eu penso que encontrei essa pessoa pra dividir momentos comigo, as decepções voltam a me atormentar e me fazer sofrer, será que é porque eu espero muito das pessoas e elas não conseguem ser o que eu quero pra mim?Mas eu não sou exigente, eu só quero alguém junto a mim, que cuide e se importe comigo e que se eu o amar que ele me ame também, já bastaria.

Esperando.


Estou cansada, cansada de esperar por ele, dei tempo, tempo até demais, e eu ja não aguento mais esperar, tanto sofrimento, angustia, tanto drama para ser feliz, creio que se ele sentisse mesmo algo verdadeiro e único por mim, teria vindo mais não veio...


Quando você ama alguém, você faz qualquer coisa para mante-lo seguro.

domingo, julho 24, 2011

Laços.




Aos poucos a gente vai desamarrando os laços criados pelo caminho. Aos poucos a gente vai se desfazendo das lembranças, dos lugares, das pessoas, das dores, dos medos, dos nós. Mas não adianta, é necessário se amarrar de novo, é necessário criar novos jeitos de se amarrar. A vida é assim, feita de apegos e desapegos. Feito de fim e recomeço. Enquanto a gente faz um laço, a gente tem que se desfazer de outros. Mas não se esqueça que os laços se acumulam e que a corda é pequena. O fato é, na hora de se desfazer você tem que saber a diferença entre os laços bonitos e os fortes. Entende?



Existem momentos na vida em que a gente precisa ser mais forte do que acha que pode.

quarta-feira, julho 20, 2011

Feliz dia do amigo!


Amigos não são só aqueles que te fazem rir, que fazem as melhores palhaçadas ou saem com você pra qualquer lugar. Amigo é aquele que sempre vai estar com você rindo ou chorando, te aconselhando a fazer a coisa certa, é aquele que te guia na escuridão, que te da as mãos quando você está perdida. E você só descobre quem são seus amigos de verdade, em um momento que você precisa, porque quem está com você só por conveniência ou pra ‘diversão’ vão ser os primeiros a irem.

Seu verdadeiro amigo, não te trocará por amor nenhum, por que ele sabe que o amor de amigo é mas forte.

quinta-feira, julho 14, 2011

Seu.



Não escolha a pessoa mais bonita do mundo.
Escolha a pessoa que faz do seu mundo, o mais bonito!

terça-feira, julho 12, 2011

Com o tempo.



Eu não sei o que eu sinto por você. Tem momentos que eu prefiro mesmo nem saber. Mas eu sei que esse sentimento tá me deixando confusa, me corroendo por dentro, mexendo demais com minha cabeça e com o meu coração. Eu sei que pode ser apenas uma atração, mas e se for amor ? Deixa o tempo dizer. Deixa o tempo me mostrar. E o que tiver de acontecer, eu vou deixar rolar.

segunda-feira, julho 11, 2011

Não!


Por mais disciplinada e responsável que eu seja, aprendi duas coisinhas que operam milagres:

Primeiro: a dizer não.
Segundo: a não sentir um pingo de culpa por dizer não.

segunda-feira, julho 04, 2011

De corpo e alma.



Então, não perca seu tempo comigo. Eu não sou um corpo que você achou na noite. Eu não sou uma boca que precisa ser beijada por outra qualquer. Eu não preciso do seu dinheiro. Muito menos do seu carro. Mas, talvez, eu precise dos seus abraços fortes. Das suas mãos quentes. Do seu colo pra eu me deitar. Do seu conselho quando meu lado menina não souber o que fazer do meu futuro. Eu não vou te pedir nada. Não vou te cobrar aquilo que você não pode me dar. Mas uma coisa, eu exijo. Quando estiver comigo, seja todo você. Corpo e alma. Às vezes, mais alma. Às vezes, mais corpo. Mas, por favor, não me apareça pela metade. Não me venha com falsas promessas. Eu não me iludo com presentes caros. Não, eu não estou à venda. Eu não quero saber onde você mora. Desde que você saiba o caminho da minha casa. Eu não quero saber quanto você ganha. Quero saber se ganha o dia quando está comigo.

sexta-feira, julho 01, 2011

SUA felicidade.



"Aprendi que amar não significa estar junto, mas sim querer ver a pessoa feliz , mesmo que isso custe a sua felicidade."

Querido John

quarta-feira, junho 29, 2011

Você não sabe.



Você não me conhece.
Você apenas vê o que eu quero que você veja.

segunda-feira, junho 27, 2011

Não forçe!



Não vou ficar aqui remando contra a maré.
Dando murro em ponta de faca...se não for pra ser, não vai ser.

domingo, junho 26, 2011

Na cara.



Ruim é quando a gente sabe a verdade, mas prefere não acreditar.

sexta-feira, junho 24, 2011

Pra quê?



Eles são tão frágeis, tão doces, tão fofos, tão companheiros, tão amáveis, tão lindos.
Pra quê maltrata-los?

quinta-feira, junho 23, 2011

Aja!


Pensar de mais alimenta nossos medos, é por isso que as vezes é melhor agir por impulso.

quarta-feira, junho 22, 2011

Coragem.



Todos temos algo a dizer, mais falta coragem.

terça-feira, junho 21, 2011

Alguém?



Difícil é se sentir triste e não aparecer ninguém para te consolar.

segunda-feira, junho 20, 2011



Não sei porque.
Mas sinto algo a mais por você!

Para alguém.



Direta ou indiretamente, tudo o que escrevemos é para alguém.

Consequências.



A estrada é longa e o tempo é curto.
Não deixe de fazer nada que queira, mas tenha responsabilidade e maturidade para arcar com as consequências destas ações.

domingo, junho 19, 2011

Com o tempo...



Com o tempo a gente aprende a ver o que realmente vale á pena.

Ferida.



As vezes pedir desculpas não é o suficiente. Pedir perdão, não apaga seus erros, não cura a ferida que você abriu no coração de alguém. Não muda o passado, não apaga as palavras que ficaram no ar. As vezes a gente faz algo, diz algo, mesmo sem perceber, sem intenção, e acaba com tudo que demoramos tanto para construir. As vezes uma única palavras não é capaz de consertar tudo. Desculpas não voltam no tempo, não apaga aquilo que você fez de errado. As vezes não tem volta, a decepção foi grande demais, e nada é capaz de apagar. As pessoas tem o poder de machucar seu coração, e as vezes ele não tem como ser reconstruído novamente.

Perceba!


Eu queria que você percebesse, sem eu precisar falar!

terça-feira, junho 14, 2011

Razão ou Emoção?



Não é bom ter um coração fraco, pessoas te dominam em qualquer circunstância, você se apaixona fácil, você é machucado fácil. Mas usar o cérebro parece ser tão egoísta, porque você acaba vivendo a vida por lógicas. Mas usar o coração não é se dar fácil de mais? Sabendo que vai se machucar, criando sonhos e mais sonhos, expectativas e mais expectativas. Mas como faz quando o seu coração é fraco, e por qualquer coisa ele se machuca, por qualquer coisa ele não consegue voltar ao normal? Porque eu tenho certeza que o meu coração não pode ser costurado, remendado e nem colado. Então quando ele for quebrado, rasgado ou machucado de qualquer maneira, assim permanecerá para sempre.


* Segunda chance até existe. Mas não acho que todo mundo a mereça.

sábado, junho 11, 2011

Detalhes.



E mesmo que haja dúvidas, deixe ser para sempre.
E mesmo que haja mágoas, deixe ser para sempre.
E mesmo que haja brigas, gritos, tapas ou aranhões, deixe ser para sempre.
E mesmo que haja celulares abandonados, tocando sem ser atendidos, deixe ser para sempre. Mas não deixe ser, se houver apenas isso. Porque geralmente, existem também as noites onde pode estar um calor infernal ou um frio de deixar o corpo todo roxo, que sempre tem alguém que você abraça para conseguir dormir, mesmo que acordem desgrudados. Existe também um celular tocando de madrugada e alguém do outro lado querendo dormir escutando sua voz. Existem, aqueles dias que você quer morrer, ou matar se for preciso, porque nada está bom, mas alguém está ao seu lado te mostrando que tudo está no lugar que deveria estar.
São tantos os detalhes, porque amar é detalhar.
A gente sempre sabe quando amamos, mas nunca prestamos atenção aos detalhes que quem nos ama espalha a nossa volta.
Aconselho você a, antes de dormir, não pensar nos gritos, nas falhas, nos machucados. Ninguém é perfeito, todo mundo sofre e faz sofrer. Pense nas palavras doces, nos beijos, mas não os dados na boca, e sim os de outros lugares, que você recebe sem esperar, e percebe que é só mais um jeitinho dele de dizer que te ama.
Mas, se quiser pensar em dores pense o seguinte: que se tem alguém com você é porque você é realmente amada, pois imagine só quantas vezes você o machucou e gritou com ele, e depois disso ele fez de conta que esqueceu, disse que te ama e continuou a seu lado.