sexta-feira, dezembro 13, 2013

Respirar.



"Debaixo d'água estava a salvo, estava leve, estava mudo e surdo. Tudo era lindo, tudo era oco. Era um mundo sem perturbações. Seu corpo não pesava, nada escutava e nada precisava dizer. Sem frio, sem calor. Queria que durasse para sempre. Só Deus sabe quanto tempo aquele momento duraria, pois tinha que respirar. Queria adormecer na imensidão do mar, aconchegado no braços de Oxum. Mas tinha que respirar. Tinha que voltar para realidade. Sempre é necessário voltar pra superfície, pro ar. Afinal, temos que respirar."

(Debaixo d'água - Bethânia/Antunes)


Livre. Tranquila. Alma leve. Respirando. Seguindo em frente. 

Seja o que Deus quiser!

quarta-feira, novembro 27, 2013

Ser forte.



"Você acha que é forte porque vê seu ex-namorado com outra e consegue não chorar? Você acha que é forte porque nenhum dos seus amigos entende as suas neuras? Você acha que é forte porque não desiste de um garoto, mesmo que ele nem saiba da sua existência? Você acha que é forte porque seu coração foi partido? Então eu vou te dizer o que é ser forte. Ser forte é ter câncer e viver lutando pra mais um dia de vida, é estar morrendo num corredor de hospital esperando numa fila que parece nunca ter fim, ser forte é ver seu filho com fome chorando pedindo por comida e não poder alimenta-lo, ser forte é perder toda a sua família numa enchente e ter que enfrentar o mundo sozinho, ser forte é viver na rua, sem comida, água sem esperança, ser forte é ser criticado, ofendido, só por causa da cor da sua pele, ser forte é viver nesse mundo onde ninguém percebe a dor da pessoa que esta ao seu lado."
(Anônimo)

Sabe qual é o meu problema? É acreditar sempre nas pessoas, é não saber dizer não quando é preciso. É sempre perdoar as pessoas que me machucam. É sorrir quando estou triste por dentro, é chorar por pessoas que não merecem e amar quem não merecia ser amado. É sempre dar uma segunda chance, para alguém que não merecia nem a primeira. É tentar ser a melhor pessoa do mundo, é tentar ajudar a todos ao mesmo tempo, e esquecer de mim mesmo.


"Vários perguntam se eu estou bem, mas poucos se importam com a resposta. Então vou deixar pra lá, agir como se não importasse. O que é verdadeiro, volta e quem tem que ficar, fica."

domingo, novembro 24, 2013

Cicatrizes.



Uma amiga de longa data – com quem compartilhei alguns dramas – me perguntou há meses o por que de eu ainda manter contato com quem um dia me fez mal. Eu amarelamente sorri e comecei com meus “- Então...”. Pedi pra que imaginasse um velho General aposentado, onde depois de muitas guerras, colecionasse além de medalhas de mérito em seu uniforme, cicatrizes no próprio corpo, que para ele tinham efeitos iguais: prova de batalhas as quais, se não venceu, ao menos saiu vivo para me contar suas histórias. Pedi para que imaginasse a resposta dele, se por acaso, ele pudesse cobrir aquelas cicatrizes, se assim o faria. Ela me respondeu que achava que não. “- Pois bem, cobrir cicatrizes é só um jeito de disfarçar algo que aconteceu, fingir que nunca existiu” respondi, já sabendo que aquela altura, tinha dito algo que ela já sabia. Me respondeu com um “entendi”, logo depois me perguntando se realmente esse General existia. Eu sorri, dizendo que “- Aos milhares, e quem sabe, ainda mantenha por ai cicatrizes abertas”.



"São coisas difíceis de serem contadas, e mais difíceis talvez de serem compreendidas."

sábado, novembro 23, 2013

Boa sorte.



Preste atenção ao que eu digo: Antes de crescer, você deve e vai se apaixonar por três vezes importantes. Primeiro, você vai cair de amor por seu melhor amigo, arruinando sua amizade para sempre. Isso vai te ensinar quem são seus verdadeiros amigos, e também como é tênue a linha entre a amizade e o "muito mais". Ah, você também vai se apaixonar por alguém que você acredita ser perfeito, e vai acabar aprendendo que ninguém é perfeito, e que nunca se deve ser tratado como qualquer coisa menor do que nós merecemos. E em outra vez, você deve se apaixonar por alguém que é exatamente como você. Isso certamente ensina qualquer um sobre quem somos, e o que queremos ser. Somente depois de passar por essa ponte turva, você aprende que as pessoas que se preocupam com você são aquelas que mais te machucam, e que essas que te ferem são as que mais precisam de você. Mas acima de tudo depois de atravessar a ponte para crescer, a gente percebe que o amor é apenas um conceito e não é algo que se possa ser definido, é diferente para cada pessoa na Terra, mesmo sabendo que todo mundo só quer ser amado.



“Não sou poeta. Apenas escrevo para tentar me livrar da dor que carrego no peito..."

"Sempre me pergunto: Será que foi um erro seguir meu coração?”

Fechada pra manutenção.

quinta-feira, novembro 14, 2013

Continua.



Conheço pessoas que desistiram, e não foram poucas. Desistiram, de algo, de alguém, de uma coisa, de um sonho. Na verdade a maioria das pessoas que conheço desistem, já desistiram ou ainda vão desistir de algo com grande facilidade. Isso não as tornam menos especiais e nem menos normais. Porém as melhores pessoas que conheço foram até o final, e independente de conseguir ou não, de ter dado certo ou não, são elas que me contaram as histórias mais bonitas que já ouvi na vida. É loucura desistir das rosas só porque uma te espetou, ir até o final te torna maior, melhor , independente se você consegue ou não, porque no final tudo dá certo e se ainda não deu é porque ainda não chegou ao final. A felicidade as vezes se encontra no final das tristezas e decepções que o destino nos reserva, por isso, nunca desista de lutar por aquilo que você quer, principalmente pela sua felicidade, sua vida e as pessoas que você ama. Faça de sua vida um caminho diário da procura de quem te procura. Saiba que tentar outra vez não é sofrer de novo, mas sim uma forma de lutar e vencer, apesar de tudo.


"Aprendi também a não contar muito com os outros: na medida do possível, faço tudo só. Dá mais certo."

terça-feira, novembro 12, 2013

Vazio.



"Não me dê fórmulas certas, por que eu não espero acertar sempre. Não me mostrem o que esperam de mim, por que vou seguir meu coração. Não me façam ser quem não sou. Não me convidem a ser igual, por que sinceramente sou diferente. Não sei amar pela metade. Não sei viver de mentira. Não sei voar de pés no chão. Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra sempre.Clarice Lispector.  


Começa com borboletas no estômago e termina com um vazio enorme no coração... 
É impossível não chorar quando se perde algo que não dá pra substituir.”

domingo, novembro 10, 2013

Humilde.



Ele perguntou como é que eu tive certeza de que aquela escolha era a mais acertada. Respondi que nunca tive, que não tenho até agora. Porque tem coisas que a gente simplesmente não sabe. Decidi ali na tentativa de fazer o melhor e fui. Com fé! Sim, fé e não certeza. Vontade que desse certo. Ou, de pelo menos, que não fosse motivo para me arrepender para todo o sempre. Em alguns momentos deu certo. Noutros, me arrependi para todo o sempre. Agora, acho que me conformei e que é assim e pronto, não tem mais volta e tudo bem. Tudo bem, de um jeito ou de outro, que a vida e o tempo consertam as coisas.


"Humildade é capacidade de reconhecer erros, é uma qualidade que não se impõe a ninguém. É uma coisa que a vida ensina."

domingo, novembro 03, 2013

Nada Normal.



Não, eu não sou uma garota normal, não sou como as outras...
Não choro por uma simples unha quebrada, não vou toda semana na cabeleireira, minha cor favorita não é rosa, não saio todos os dias para gastar dinheiro no shopping em roupas caras, não sou fresca, não grito pra chamar atenção, meu cabelo não vive arrumado, e eu não sou idiota ao ponto de usar salto alto e sair todo final de semana pra balada. Sou do tipo de garota que prefere um simples all star, prefere um rock’n roll, prefere ficar em casa no computador, prefiro o preto, e principalmente... não preciso ser fresca nem ficar gritando a cada minuto para chamar atenção de algum garoto. Amo meu jeito, amo meu estilo, gosto de ser assim, afinal... Ser normal é chato.


"Sorrir não mata. Viver não dói. Abraçar não arde. Beijar não fere. Rir não machuca. Você não tem motivos para não tentar ser feliz."

sexta-feira, novembro 01, 2013

Permito.



Então eu resolvi acordar. É preciso abrir os olhos de vez em quando. Acho que vale tudo para ser feliz. Vale tudo no amor e na guerra. Mas o amor próprio é o nosso mais valioso, vale tudo. Às vezes a gente esquece quem é, e qual o real sentido de viver. Não sei o que ocorre, mas posso afirmar que o amor é o sentimento mais lindo de se viver e ele pode sim doer, mas o mais importante de tudo é que o outro efetivamente se empenhe em NÃO causar sofrimento, ou mesmo em amenizar as dores. O medo que se sente é aceitável, permito tudo. Só não aceito fugir! Nem de mim, nem dos outros. Sempre fui valente, ao invés de pular do barco é mais fácil e seguro, segurar a mão do outro bem firme: o medo passa. Mas só passa se você quiser.


"Pois olhe, eu só lhe digo uma coisa, Deus sabe o que faz."

terça-feira, outubro 29, 2013

Seja você.



Não importa o que você lê, desde que leia. Não interessa se o seu namorado é o top de linha ou o que ficava sempre sozinho dançando com a vassoura em festinhas da escola. O importante é o que você pensa dele. Hoje em dia as pessoas têm mania de dar importância para a opinião alheia. Eu digo: tô nem aí. Sempre gostei de quem gostei e azar de quem não goste. Quem tem que querer sou eu. Não tenha medo de ser quem você é, desde que seja. Seja sempre você, com sua cara amarrotada, seu cabelo desgrenhado, suas meias furadas, suas unhas não feitas. Seja você e, principalmente, se orgulhe de ser quem você é. Os outros? Problema deles. Você tem que ter a melhor opinião sobre você mesmo.



"Um dia a gente aprende a conviver com uns. E a sobreviver sem outros."

domingo, outubro 27, 2013

Alma leve.



Hoje em dia as pessoas vivem com muita pressa de viver, de ser. Tudo tem dia, hora, minuto e segundo pra acontecer. Ao meu ver, é como se minha vida estivesse toda planejada e tudo que devemos fazer é seguir o cronograma. E no meio disso tudo, o que deveria economizar tempo acaba tendo efeito reverso, aproveitamos nosso “tempo livre” agindo como alienados de um sistema inquebrável que não pára nunca. E eu só queria fazer uma pausa pra viver de verdade. Viver para mim mesma e não para os outros. Eu só quero aproveitar a vida, me sentir bem comigo mesma e viver sem nenhum peso nas costas e muito menos no coração. Quero ficar com a alma leve. Não quero saber o que vou fazer amanhã ou ano que vem. Quero viver hoje, pois o hoje é a única certeza que tenho. E nesse mundo cheio de incertezas, temos que nos apegar a maior certeza que temos, o agora!



"Você tem duas opções: Ou vive por si mesmo, ou muda pelos outros; felicidade é questão de escolher caminhos. Viver pelo que você faz é a essência do que você escolhe, caminhar pela opinião dos outros é a mesma coisa de gostar de pássaros mas preferir o som da flauta. Seja o que você quer, escolha o que permita ser. A escolha é sua."

quarta-feira, outubro 23, 2013

Viva.



Viver é correr riscos, é sair de casa sem ter a certeza de que vai voltar. É levantar cada manhã, sem saber se vai levantar na próxima. É dormir, sem ter a certeza de que vai acordar. Viver é perigoso, mas é divertido. Viver é trabalhar com o que realmente gosta, é usar o que quer, é fazer o que quiser da vida, levando em conta apenas a sua felicidade. Viver é estar de bem com a vida. É dar e receber carinho, é ter alguém pra contar como foi o dia. A vida às vezes é doce, outras vezes amarga. Nada sabemos sobre ela, nunca se viu mais imprevisível. É como um castelo de cartas, que em fração de segundos, pode desmoronar. É como uma roda gigante, que ora estará por cima, ora estará por baixo. Viver é não ter a vergonha de ser você mesmo. Viver é amar, é partilhar, é praticar o bem. Viver é muito mais do que existir, viver é fazer da sua existência valer a pena, é fazer a diferença. Viver é ter fome de tudo, fome da vida. Viver é assumir as consequências. A vida é muito complexa e, dificilmente, compreendida. Que não percamos tempo tentando entender a vida, apenas vamos viver. Arriscar, amar, compartilhar, vadiar, trabalhar. Viva, apenas.



"Demonstre. As pessoas não vão adivinhar o que você sente."

quinta-feira, outubro 17, 2013

Meu mundo.



Eu não preciso chorar para mostrar que estou triste. Nem gritar para dizer que sinto dor. Muito menos sorrir para Deus e o mundo para provar que sou feliz. Não preciso aparentar para ser, demonstrar para estar. Meu mundo acontece aqui dentro. E ele não é menor ou maior que o seu: é simplesmente o meu. Ele é meu com todas as letras, ele é meu em cada palavra, com todos os silêncios, com todos os incêndios. Eu ouvi meu choro, eu escutei meu grito, eu senti minha dor e eu gargalhei em paz sem precisar invadir o seu mundo com coisas tão minhas, com coisas tão lindas, com coisas tão profundas que se repetem infinitamente: aqui dentro.


“Só peço a você um favor: 
Se puder, não me esqueça num canto qualquer.”

sábado, outubro 12, 2013

Tempo.



Eu não quero pedir pela permanência de ninguém, ultimamente o que andei pedindo em minhas orações é que tudo dê certo, independente do que aconteça ou dos que terão de ir embora. Não vou pedir para que permaneça em minhas complicações, mesmo que tenha aqueles dias em que eu precise muito compartilhá-las. Fiquei me perguntando por um tempo o que vem a ser uma "menina grande", e acabei me convencendo de que sou a pessoa que não deveria enxugar as lágrimas nos ombros de alguém, era o inverso, eu me lembro bem. E apesar disso tem aqueles dias em que tudo fica mais pesado, entende? Mas tudo isso passa, tudo resolve. E se quiser ficar com o meu coração, ele está apto a receber de bom grado mas que traga amor e fé. Porque não há outra coisa que eu esteja precisando neste momento.


Tenha paciência. O que é seu chega sem você pedir!

quinta-feira, outubro 10, 2013

Sintonia.



Sei que nessa vida, tudo tem a sua hora exata e que não adianta a gente ficar empurrando com a barriga, e nem ficar dando murro em ponta de faca. O que não é pra ser, não vai ser. Um dia, quem sabe, a gente acha. Admiro as pessoas que por estar na carência, não entrega o coração ao desconhecido. Admiro também, pessoas que espera o momento certo. Por que, coração não é panfleto de rua para entregar ao primeiro que passar. O coração escolhe um outro coração. Saiba cuidá-lo do seu e do outro, para ambos, terem uma boa sintonia. Uma boa ligação. E mais pra frente, os dois se unirem e começarem a baterem em um só.

"Ainda não sei porque, mas meu coração escolheu você."

sexta-feira, outubro 04, 2013

Devagar.



"Vai devagar… Pensa duas, três, quatro, quantas vezes forem necessárias pra não fazer bobagem. Cuida do teu coração, cuidado com quem você deixa entrar. Espera o tempo passar. Acredita menos… As pessoas não são tão legais quanto aparentam ser. Quem acredita menos, sofre na mesma proporção. Até quando você achar que é verdade, desconfie um pouquinho. Faz bem não se entregar totalmente logo de cara. Se arrisca mais, por você. Tenha coragem para dizer tudo que tens aí guardado. Seja forte para conseguir se manter calada perante alguns. Muda de rumo. Quando te mandarem ir por lá, vai pelo outro caminho. Ou vai apenas, pelo caminho do teu coração. Se você não aguentar mais fingir… Chore. Depois que você acabar de chorar, vai sentir-se mais leve. E então vai levantar a cabeça, lavar o rosto, pôr uma roupa bonita no corpo, um sorriso escandalosamente lindo no rosto e dizer que chega, que você vai é ser feliz. Eu sei, é assim mesmo. E vai funcionar! Não diga “nunca”, nunca. Irônico, não? Mas não diga. Porque essa vida é incrivelmente engraçada. Mais uma coisa. Você não pode ter medo que as pessoas te machuquem, viu. Porque as pessoas vão te machucar de vez em quando, até mesmo aqueles que você mais confia e admira. Não vão fazer por mal, mas somente porque são humanos. Cometemos erros ridículos com pessoas maravilhosas. Faz parte. Não esquece que cada um é cada um. Somos diferentes. Graças a Deus, somos. Vive um dia por vez, sem pressa e sem querer ser mais rápida que o tempo. E por favor, vai ser feliz, que tu ainda tem muito por viver."
(Caio Fernando de Abreu)



"Quero uma história simples, simples e sem fim!"

quarta-feira, outubro 02, 2013

Sincera.



Nos dias atuais ser você mesmo faz com que você se torne alguém diferente do mundo. Com tantos rótulos, etiquetas, cultura que a sociedade cria está cada vez mais difícil achar alguém com personalidade própria, com opiniões feitas. E cada vez mais sinto menos vontade de continuar esperando para ver o que vai acontecer. Se é que tem como piorar o mundo! Ninguém mais se respeita, é difícil achar mulher que saiba se valorizar, assim como também está difícil achar um homem que saiba respeitar uma mulher. Crianças morando na rua sem ter o que comer, ricos esbanjando dinheiro por aí pelo simples prazer de gastar. Pessoas megalomaníacas estão invadindo o mundo cada vez mais. Já não sei aonde foi parar o respeito e a sinceridade. E o amor pelas coisas se tornou maior do que o amor pelas próprias pessoas. Pessoas essas cheias por fora, porém vazias por dentro.



"Eu queria ter nascido egoísta. Não sei só pensar em mim, não sei só me importar comigo mesmo. Esse é o problema, eu me importo demais."

quinta-feira, setembro 26, 2013

Emoções.



"Sonhe com aquilo que você quiser. Seja o que você quer ser, porque você possui apenas uma vida e nela só se tem uma chance de fazer aquilo que se quer. Tenha felicidade bastante para fazê-la doce. Dificuldades para fazê-la forte. Tristeza para fazê-la humana. E esperança suficiente para fazê-la feliz. As pessoas mais felizes não têm as melhores coisas. Elas sabem fazer o melhor das oportunidades que aparecem em seus caminhos. A felicidade aparece para aqueles que choram. Para aqueles que se machucam. Para aqueles que buscam e tentam sempre. E para aqueles que reconhecem a importância das pessoas que passam por suas vidas. O futuro mais brilhante é baseado num passado intensamente vivido. Você só terá sucesso na vida quando perdoar os erros e as decepções do passado. A vida é curta, mas as emoções que podemos deixar duram uma eternidade." 
(Clarice Lispector)


Os motivos à quais nos levam esperar por alguém, não são a beleza ou o que a pessoa faz, tão pouco quem é, se é boa ou de má índole. O verdadeiro motivo está em nós. Sim, em nós, é o sorriso que ela nos desperta, é o brilho que ela traz ao nossos olhos, é a paz que ela é capaz de aflorar em nós, de um jeito que jamais fará. Por dentro essas bilhões de pessoas, foi apenas um alguém que lhe fez se sentir bem.

sábado, setembro 21, 2013

Um dia.



Eu desejo muitas coisas. Desejo uma vida boa, uma casa aconchegante, um carro na garagem, um emprego que me agrade, um homem que me ame e uma criança cambaleando pela casa. Desejo ter motivos para sorrir, mas sorrir de verdade, com vontade, e não para esconder as dores. Me contento com pouco, desde que esse pouco me faça feliz. Mas nem tudo na vida são flores, algumas vezes são espinhos. O céu por exemplo, nem sempre será azul, e o sol nem sempre irá brilhar. Tempestades irão surgir e então tudo se tornará escuro. Ventos por toda a parte irão levar consigo o pouco da esperança que restava de dias melhores. Mas nem toda tempestade dura pra sempre. As nuvens escuras mais cedo ou mais tarde irão recuar. O céu azul voltará, e o sol continuará a brilhar. E os mesmos ventos que um dia roubaram a pouca esperança que restava, serão os mesmos que a trarão de volta.


"Atrações físicas são comuns, conexões mentais são raras."

quinta-feira, setembro 19, 2013

A espera.



Os motivos à quais nos levam esperar por alguém, não são a beleza ou o que a pessoa faz, tão pouco quem é, se é boa ou de má índole. O verdadeiro motivo está em nós. Sim, em nós, é o sorriso que ela nos desperta, é o brilho que ela traz ao nossos olhos, é a paz que ela é capaz de aflorar em nós, de um jeito que jamais fará. Por dentro essas bilhões de pessoas, foi apenas um alguém que lhe fez se sentir bem.


"As pessoas gostam de ouvir o que elas têm medo de dizer."


(Os poucos minutos do meu dia que falo com você, são os melhores.)

segunda-feira, agosto 26, 2013

Fora de contexto.



Dispenso palavras programadas. Não abro mão da minha paz. Todo dia desaprendo uma nova vaidade. Não quero ninguém massageando meu ego. Não quero que me levem sem a minha permissão. Não gosto de me sentir sondada, pressionada, intimidada. Só quero SER em paz (a minha poesia, o meu sossego). Abraço quem gosta de abraço. Tenho um sexto sentido razoável. Tenho convites pendentes, recusados e bloqueados. Não sou um número! Se suspeito, não aceito. Se aceito, verifico, presto atenção e se for necessário, excluo. Grata eu sou sempre. Tudo é muito simples. Economizo complicações e aborrecimentos. Não coleciono desafetos e tenho poucos amigos. Raros. E do mundo, eu só quero respeito. Só isso.


“Eu costumo guardar as coisas para mim, porque na realidade, ninguém realmente se importa.”

terça-feira, agosto 20, 2013

De repente.



De repente, estou só. Dentro do parque, dentro do bairro, dentro da cidade, dentro do estado, dentro do país, dentro do continente, dentro do hemisfério, do planeta, do sistema solar, da galáxia — dentro do universo, eu estou só. De repente, com a mesma intensidade estou em mim. Dentro de mim e ao mesmo tempo de outras coisas, numa sequência infinita que poderia me fazer sentir grão de areia. Mas estar dentro de mim é muito vasto.


“Já não cultivo esperanças, não procuro amores e nem perco noites de sono. Se o amor quiser aparecer será bem-vindo. Se não quiser, pouco importa.”

segunda-feira, agosto 19, 2013

Uma mistura.



Sou pessoa de dentro pra fora. Minha beleza está na minha essência e no meu caráter. Acredito em sonhos, não em utopia. Mas quando sonho, sonho alto. Estou aqui é pra viver, cair, aprender, levantar e seguir em frente. Sou isso hoje, amanhã, já me reinventei. Reinvento-me sempre que a vida pede um pouco mais de mim. Sou complexa, sou mistura, sou mulher com cara de menina e vice-versa. Me perco, me procuro e me acho. E quando necessário, enlouqueço e deixo rolar. Não me dôo pela metade, não sou tua meio amiga nem teu quase amor. Ou sou tudo ou sou nada. Não suporto meio termos. Sou boba, mas não sou burra. Ingênua, mas não santa. Sou pessoa de riso fácil...


"Muitos mandam você esquecer e sorrir, mas só você mesmo sabe como é difícil passar por cima daquilo que está sentindo."

terça-feira, agosto 13, 2013

Lições.



As coisas são muito claras. Você tem uma vida, valores, educação, lembranças, consciência. Você tem escolhas, caminhos, passado, presente, futuro. Você tem todas as chances do mundo para escolher como quer viver. Falta ousadia. Falta verdade. Falta sinceridade. Falta vontade. Falta parar de reclamar e olhar para o mundo como ele realmente é. E sei, sei bem, que nem sempre o mundo é amigo. As pessoas podem - e são - cruéis. O mundo muitas vezes nos passa a perna. E a vida segue. Você as vezes se quebra, mas a vida segue. A gente erra, acerta. Ganha e perde. Você pode ter perdido família, amigos, amores...e ter se encontrado. Você pode ter família, amigos, amores...e nunca ter achado. O que vale, na verdade, não é tudo o que conquistou ou teve que abandonar. O que vale é a forma como você lida com isso.


“Preserve. Pessoas boas estão sendo extintas.”

sexta-feira, julho 26, 2013

Vínculo.

 
 
Reciprocidade é algo tão, mas tão difícil de se obter nos dias de hoje. Você faz tudo, sacrifica quase o impensável e aprende a se adaptar para estar disponível, liga quando não pode ligar, fica quando não pode ficar, deixa o orgulho de lado, deixa de lado algumas pessoas que têm um interesse a mais apenas para que a outra pessoa não se sinta mal. E no fim das contas, poucas coisas são recíprocas. Não, não é um dever. Mas seria legal se, ao menos algumas vezes, as pessoas não precisassem sempre de uma advertência para pensar que retribuir o sentimento com gestos simples também fica em nossas cabeças por dias. Sem contar o sorriso na boca, ou a lágrima e a sensação de insignificância quando o contrário acontece.
 
"Atrações físicas são comuns, conexões mentais são raras."

sábado, julho 13, 2013

A dor.

 
Às vezes, os sonhos caem no chão como pedacinhos de estrelas que pouco a pouco se apagam. O coração chora em silêncio e quando as lágrimas caem, gelam todo o corpo, e o coração de tanto amar se converte em gelo para não sofrer mais, para não chorar. Mas um dia se eu "voltar ao céu", ainda existirá milhões de estrelas e cada uma é um sonho para cumprir e a força interior derreterá o gelo que ficou no coração. Só não posso deixar de acreditar, porque o amor e os sonhos são a única porta para a eternidade.

"— O que você quer?
— Mais uma dose… Tequila dessa vez.
— Bebida não vai curar sua dor.
Mas vai me fazer esquecer… Pelo menos por um tempo."

segunda-feira, julho 01, 2013

Liberdade.


 
Nunca me senti tão bem, sem pesos sobre as costas e sem lágrimas nos olhos. O meu coração tá tranquilo, sereno e o único amor que tem, é o amor próprio. Não estou correndo atras de ninguém; até porque, quem corre atras de quem não presta é a policia. Minha alma está pacificamente boa e meu espírito cessa alegria, felicidade. Dizem, dizem por ai que a felicidade mais bonita é aquela sem motivos. É tão lindo ser feliz sem precisar das pessoas, sabe por quê? Porque as pessoas um dia vão embora e você tem que se acostumar com a saudade… Depois de tudo isso, to percebendo que a felicidade mais bonita é mesmo aquela sem motivos algum, até porque, não precisar de ninguém é um luxo. Independência é tudo e ainda bem, estou vivendo com ela.


“Desculpa, mas a vida me ensinou a ser realista, pois o otimismo só criou expectativas e junto delas vieram as decepções.”

segunda-feira, junho 17, 2013

Ausência.





 
Sou sentimental ao extremo. Me apaixono fácil, me apego rápido demais. E tenho uma capacidade tremenda de deixar de gostar de alguém de uma hora pra outra. Sou irônica e de vez em quando, sei exatamente o que fazer pra modificar o que está errado na minha vida, mas seguidamente me sinto parada, estática, no mesmo lugar, sem saber pra onde ir. Faço escolhas erradas e apostas certas. Sou chorona. Choro de dor, de amor, em filmes, ouvindo uma música.
Afinal quantas facadas são necessárias para acabar com o coração em alguém? Até quando um coração suporta ser esmagado? Quantas vezes ainda terei de chorar lágrimas de sangue? Meu peito não aceita mais perdão. Ele congelou. A minha alma já cansou de morrer e agora estou sem forças para voltar a viver. Essa realidade me corta. As pessoas me ferem. Homens e mulheres armados com flechas preparados para atirarem dores e tristezas em mim. Deixando em minha vida apenas cicatrizes. Meu ego chora. Minha mente grita. As vozes me atormentam. Perdi o meu lugar no mundo, o rumo e a direção. Essas facadas tocam fundo na minha alma e tornam-na esfacelada. Eu estou morrendo, perdendo o brilho, não há lugar para mais uma dor residir dentro de mim. Cansei! Não aguento mais tamanha tristeza. Minha alma foi vandalizada e nunca mais irá se reconstruir.
 
#Quase sempre me bate aquela vontade de te mandar uma mensagem dizendo o quanto você me faz falta. Mas depois desisto, porque sei que irá me ignorar, igual tantas outras vezes. Então prefiro sofrer com a sua ausência do que com o seu desprezo.

terça-feira, junho 11, 2013

Motivos.




E eu chorei, chorei sim. Chorei por não aguentar todas as coisas caladas, e continuar sorrindo, chorei por não suportar essa rotina tediante, chorei por não conseguir mais me manter forte, chorei de saudade, tristeza, raiva, culpa, chorei por não ter alguém pra cuidar de mim, chorei por precisar de alguém. Chorei por ser tola, por ser fraca. Nunca me encontrei em tal situação, sempre tive uma ”barreira” que me impedira de ser atingida por qualquer sentimento, sempre me privei de tudo que pudesse me afetar de alguma forma, mas… Mas a barreira desabou, me massacrando e me deixando pior do que estaria se tivesse encarado, todos os sentimentos um por um. Talvez comecei errado ao enfrentar as coisas sozinha, mas e a insegurança? Confiar em alguém errado, me apegar a alguém que logo após de me conhecer iria me deixar, e todos os meus medos como iria enfrentar se tivesse algo, ou melhor alguém pra me fazer fraquejar? É, eu escolhi isso pra mim, de certa forma me acostumei a não ter alguém, e me conformei a encarar as coisas sozinha, os meus dramas, os meus medos as minhas inseguranças, mas e agora? É assim? Ficarei dessa forma? Me machucando, me torturando fisicamente e psicologicamente? Eu acho que não, eu só preciso de um motivo que possa me fazer continuar, algo que me faça acreditar que o amanhã será melhor, que eu ainda tenho forças, e quando que quando elas acabarem eu vou poder te-lo ao meu lado pra me manter de pé, eu acho que já passou de ser ”algo” eu acho que na verdade eu preciso de alguém, um alguém em que eu possa confiar, alguém que eu possa abraçar, alguém… alguém que eu possa amar sem medo, alguém que vai precisar de mim como vou precisar. Eu acho que todos precisamos, acho que o resultado das noites mal dormidas com o travesseiro molhado, são resultado de excessos de sofrimentos e falta de amor.
 
 
"Você tem duas opções: Ou vive por si mesmo, ou muda pelos outros; felicidade é questão de escolher caminhos, e não multidões. Viver pelo que você faz é a essência do que você escolhe, caminhar pela opinião dos outros é a mesma coisa de gostar de pássaros mas preferir o som da flauta. Seja o que você quer, escolha o que permita ser. A escolha é sua."

segunda-feira, junho 03, 2013

Sozinha.


 
O copo vazio, o corpo cheio, o coração indeciso, a coragem, o devaneio. A descoberta parada, a saudade calada, a esperança cansada e a vontade de ser amada. O medo de perder, a angustia de esquecer, a incoerência de não ver, a desventura de não ter. Os beijos roubados, os abraços dados, corações apertados, delírios evaporados. Os gritos roucos, os desejos loucos, a verdade de poucos e a mentira de outros. O copo encheu-se, o corpo perdeu-se, o medo esqueceu-se e a mentira abandonou-se. Caindo, caindo, caindo… Deixando-me pouco a pouco, matando-me muito a muito. Esquece-me, porque de mim já não lembro mais.
"Cinzentos"

quarta-feira, maio 15, 2013

Descobertas.

 
"E você aprende que amar não significa apoiar-se, e que companhia nem sempre significa segurança. Aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão. E aprende que, não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam… E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la por isso. Aprende que falar pode curar dores emocionais. Descobre que se leva anos para construir uma confiança, e apenas segundos para destruí-la. Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias. E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida. Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa… por isso sempre devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas; pode ser a última vez que as vejamos. Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém… Algumas vezes você tem de aprender a perdoar a si mesmo. E você aprende que realmente pode suportar… que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida."
William Shakespeare
 
"Aprenda a valorizar o que dá valor a você."

sábado, maio 11, 2013

A maior riqueza.

 
 
Muitas vezes jogamos tudo fora, por não querer parar para pensar e refletir. Não damos valor aquilo que temos e que é o mais puro e raro dos tesouros, não percebemos que somos felizes e que temos tudo e quase nada nos falta.
Muitas vezes saímos em busca de coisas erradas achando que sejam necessárias a nossa vida, procuramos nossos ideais porque imaginamos que temos que mudar o mundo, fugimos para bem longe e quando bate a saudade surge a realidade, muitas vezes fingimos ser pobres e na realidade a riqueza no rodeia. Muitas vezes não enxergamos que a maior riqueza da vida: MÃE.
Mãe, obrigada por cuidar de mim, obrigada por ter me ensinado a dar meus primeiros passos, por ouvir minhas primeiras palavras e por cuidar de cada machucado que adquiri na minha infância. Obrigada por aguentar meus estresses, por me mostrar o caminho certo, por abrir meus olhos quando preciso, e por cuidar dos machucados que apareceram em meu coração. Peço desculpas se te magoei alguma vez, ou se não soube compreender teus problemas. Se não demonstrei carinho quando deveria ou se fiz algo que te deixou triste. Eu só quero te ver bem, eu só quero te fazer bem. Tudo o que sou, tudo que tenho, eu devo a você. Você é meu exemplo de vida, minha guerreira, minha heroína. E você é meu maior orgulho, meu maior tesouro.
Mãe, eu te amo!
 


"Nenhuma língua é capaz de expressar a força, a beleza e a coragem de uma mãe."

sexta-feira, maio 10, 2013

Percepção.



Você já percebeu quantas coisas boas aconteceram na sua vida?
E em quantas você deu a devida atenção?
Já percebeu quantas pessoas passaram pela sua vida e você não notou a maioria delas? Já percebeu que as vezes, a felicidade esteve ao seu lado e você nem notou?
Já passou pela sua mente, que você fez alguém sofrer sem querer?
Muitas coisas acontecem conosco, e deixamos passar batido, imagina se déssemos atenção as pequenas coisas, será que seria diferente?!
 
"É necessário cair, pra aprender a se levantar."

quarta-feira, maio 08, 2013

Apenas uma criança.

 
Eu sou criança. E vou crescer assim. Gosto de abraçar apertado, sentir alegria inteira, inventar mundos, inventar amores. O simples me faz rir, o complicado me aborrece. O mundo pra mim é grande, não entendo como moro em um planeta que gira sem parar, nem como funciona o fax. Verdade seja dita: entender, eu entendo. Mas não faz diferença, o mundo continua rodando, existe a tal gravidade, papéis entram e saem de máquinas, existem coisas que não precisam ser explicadas. (Pelo menos para mim). O que importa é o que faz os meus olhos brilharem, o coração bater forte, o sorriso saltar da cara. Eu acho que as pessoas são sempre grandes e às vezes pequenas, igual brinquedo Playmobil. Enxergo o mundo sempre lindo e às vezes cinza, mas para isso existem o lápis-de-cor e o amor que a gente aprendeu em casa desde cedo. Lembra? Tenho um coração maior do que eu, nunca sei minha altura, tenho o tamanho de um sonho. E o sonho escreve a minha vida que às vezes eu risco, rabisco, embolo e jogo debaixo da cama (pra descansar a alma e dormir sossegada).
Coragem eu tenho um monte. Mas medo eu tenho poucos. Tenho medo de filme de terror, tenho medo das pessoas, tenho medo de mim. Minha bagunça mora aqui dentro, pensamentos entram e saem, nunca sei aonde fui parar. Mas uma coisa eu digo: eu não paro. Perco o rumo, ralo o joelho, bato de frente com a cara na porta: sei aonde quero chegar, mesmo sem saber como. E vou. Sempre me pergunto quanto falta, se está perto, com que letra começa, se vai ter fim, se vai dar certo. Sempre pergunto se você está feliz, se eu estou linda, se eu vou ganhar estrelinha, se eu posso levar pra casa, se eu posso te levar pra mim, se o café ficou forte demais. Eu sou assim. Nada de meias-palavras. Já mudei, já aprendi, já fiquei de castigo, já levei ocorrência, já preguei chiclete debaixo da carteira da sala de aula, mas palavra é igual oração: tem que ser inteira senão perde a força. Sou "menina" levada, princesa de rua, sou criança crescida com contas para pagar. E mesmo pequena, não deixo de crescer. Trabalho igual gente grande, fico séria, traço metas. Mas quando chega a hora do recreio, aí vou eu... Beijo escondido, faço bico, faço manha, tomo sorvete no pote, choro quando dói, choro quando não dói. E eu amo. Amo igual criança. Amo com os olhos vidrados, amo com todas as letras.
A M O. Sem restrições. Sem medo. Sem frases cortadas. Sem censura. Sem pudor. Quer me entender? Não precisa. Quer me amar? Seja sincero, não me abandone, me dê um presente o mais simples. Não importa. Criança não liga pra preço, não liga pra laço de fita e cartão de relevo. Criança gosta de beijo, abraço e surpresa!
 
"Gosto do que me tira o fôlego.
Venero o improvável.
Almejo o quase impossível."

quinta-feira, maio 02, 2013

Sobrevivendo.



Aprendi que sorrisos melhoram seu dia totalmente. Já vi o pôr-do-sol cor-de-rosa e alaranjado, já olhei a cidade de cima e mesmo assim não encontrei meu lugar. Eu já corri pra não deixar alguém chorando, já fiquei sozinho no meio de mil pessoas sentindo falta de uma só. Ouvir a voz de quem você ama é o melhor remédio, aprendi que as vezes as piadas mais idiotas são as mais engraçadas, aprendi que as vezes a sua vida acaba virando a própria piada. Já senti medo do escuro, já tremi de nervoso, já renasci novamente pra ver o sorriso de alguém especial. Já acordei no meio da noite e fiquei com medo de levantar. Já acordei cedo e vi a lua virar sol, já chorei por ver amigos partindo, mas descobri que logo chegam novos, e a vida é mesmo um ir e vir sem razão. Aprendi que algumas vezes a sua dor é só sua, e por isso é problema seu, e você precisa aprender como tira - lá do seu peito. Aprendi que nessa vida por mais difícil que seja, sempre pode existir alguém em uma situação bem pior que a sua. Saudade não é ausência, é a presença, é tentar viver no presente, saudades são todas as coisas que estão lá para nos dizer que não, a pessoa não foi embora. Muito pelo contrário: ela ficou, e de lá não sai. A ausência ocupa espaço, ocupa tempo, ocupa a cabeça, até demais. Foram tantas coisas feitas, momentos guardados na memória, guardados num baú, chamado coração.


"Um aviso: depois pode ser tarde demais."

sexta-feira, abril 26, 2013

Costumava ser...


 
 
Eu sempre cuidei, de coração aberto, de cada amor que passou pela minha vida. Mas acontece que agora, eu que tô precisando de cuidados. É irônico, é pesado, mas de alguma forma, é leve também. Ando cansada e com preguiça de conhecer pessoas que vão embora, amanhã ou mais tarde. Ando sem paciência de me acostumar e me adaptar a essa gente que chega sem fazer meu mundo tremer. Ando me arrastando. Eu, minhas coisas, meus problemas, minhas soluções. E ser sozinha tem sido cômodo, porque eu penso por mim e por mais ninguém. Eu juro que tento, tento não me importar, tento não botar tanta esperança naquilo que não vale a pena, mas sempre falho, sempre me machuco. Meu coração está tão quebrado, tão pisado, tão maltratado e tão destruído, que as vezes até penso que não consigo ir mais a diante. Eu acabei ficando tão pequena, tão frágil, tão vulnerável em ralação a isso, mas não quero mais isso, não quero mais sofrer com a minha dor, não quero que os outros olhem pra mim, e sintam pena. Antes, eu costumava ser tão forte, mas agora, eu passei de ser a que ajudava, parar ser a ajudada, e eu não quero que as coisas tomem esse rumo, por isso, vou me afastar, afastar de tudo e de todos, ter um tempo para mim mesma. De tanto curar, terminei sangrando.
 
 

"Tô aguentando muita coisa sozinha. To precisando de colo, to precisando da minha mãe sorrindo. Sempre ajudo todos, mas ninguém nunca foi capaz de me ajudar."



sábado, abril 20, 2013

É difícil.




Até quando eu aguento?!
Até quando eu me permito ser machucada?!
É uma bela confusão, mas que está me cansando, e eu não sei até onde eu posso suportar.
Há pessoas que acreditam na sua auto-suficiência e por isso não se importam com sentimentos de outros...
Foram bons momentos mas precisaram acabar, assim como tudo acaba.
Eu só quero colocar a cabeça em meu travesseiro e tirá-la somente ao amanhecer, e mais do que isso, quero ter a certeza de que as coisas estão bem, não ter expectativas de ter um dia bom, porque ele VAI ser bom.
E se pra isso eu precisar ficar sozinha, eu prefiro assim...
Não adianta valorizar uma pessoa que não te valoriza de volta.
É difícil formar um sorriso quando está chorando.
É difícil caminhar quando está cansado.
É difícil fazer passar a dor no coração quando se sabe que ela não tem cura.
Mas  o mais difícil é amar quem não te ama.
Contrariar o coração, ter certeza de uma coisa e ser outra bem diferente.
O mundo as vezes não gira na mesma conspiração que você quer.
E as vezes temos que aceitar o que lhe foi proposto.
Afinal, tudo acontece por um acaso.


"Tudo é uma questão de querer, aliás, tudo é uma questão de ter a coragem de querer."

domingo, abril 14, 2013

Anjo ferido.



Toda vez eu tento dar o melhor de mim, vem alguém e esmaga todos os meus sonhos, e agora tenho medo  de que o meu melhor  não seja o suficiente.
E agora sinto como fosse um erro, e todas as minhas lágrimas vão embora.
Tento parecer forte, tento voltar  ser a mesma como um anjo que brilhava, mas depois de passar pelo inferno e com um coração partido, o brilho já não é o mesmo.
Um anjo ferido, com sonhos interrompidos, morrendo por dentro por não acreditar.
E tornei tão fria, tão sozinha, sou apenas um anjo quebrado.
 
 
 
"ter expectativas é uma merda..."