terça-feira, março 12, 2013

Entre, por favor!



Ei, você que tá entrando na minha vida agora...não repara a bagunça! Não repara nos curativos que tive que fazer nos machucados do meu coração para que ele pudesse continuar batendo. Não repara na confusão que anda a minha cabeça. Não repara no meu jeito atrapalhado, na minha risada escandalosa, no meu olhar sincero, no meu jeito de criança crescida. Não tenta, por favor, me entender, nem eu me entendo. Se você quiser, pode até entrar devagar na minha vida, mas não saia depressa. Fica por algum motivo, fica pra me ajudar, fica pra me acompanhar nessa jornada. Não me promete se não for capaz de cumprir, não me decepciona mais do que já me decepcionaram, não diga que me ama se realmente não me amar. E bem, sinta-se a vontade pra me fazer sorrir e me fazer feliz, sinta-se a vontade pra me conhecer, pra saber quem eu sou.


“Preserve. Pessoas boas estão sendo extintas.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário