terça-feira, outubro 29, 2013

Seja você.



Não importa o que você lê, desde que leia. Não interessa se o seu namorado é o top de linha ou o que ficava sempre sozinho dançando com a vassoura em festinhas da escola. O importante é o que você pensa dele. Hoje em dia as pessoas têm mania de dar importância para a opinião alheia. Eu digo: tô nem aí. Sempre gostei de quem gostei e azar de quem não goste. Quem tem que querer sou eu. Não tenha medo de ser quem você é, desde que seja. Seja sempre você, com sua cara amarrotada, seu cabelo desgrenhado, suas meias furadas, suas unhas não feitas. Seja você e, principalmente, se orgulhe de ser quem você é. Os outros? Problema deles. Você tem que ter a melhor opinião sobre você mesmo.



"Um dia a gente aprende a conviver com uns. E a sobreviver sem outros."

domingo, outubro 27, 2013

Alma leve.



Hoje em dia as pessoas vivem com muita pressa de viver, de ser. Tudo tem dia, hora, minuto e segundo pra acontecer. Ao meu ver, é como se minha vida estivesse toda planejada e tudo que devemos fazer é seguir o cronograma. E no meio disso tudo, o que deveria economizar tempo acaba tendo efeito reverso, aproveitamos nosso “tempo livre” agindo como alienados de um sistema inquebrável que não pára nunca. E eu só queria fazer uma pausa pra viver de verdade. Viver para mim mesma e não para os outros. Eu só quero aproveitar a vida, me sentir bem comigo mesma e viver sem nenhum peso nas costas e muito menos no coração. Quero ficar com a alma leve. Não quero saber o que vou fazer amanhã ou ano que vem. Quero viver hoje, pois o hoje é a única certeza que tenho. E nesse mundo cheio de incertezas, temos que nos apegar a maior certeza que temos, o agora!



"Você tem duas opções: Ou vive por si mesmo, ou muda pelos outros; felicidade é questão de escolher caminhos. Viver pelo que você faz é a essência do que você escolhe, caminhar pela opinião dos outros é a mesma coisa de gostar de pássaros mas preferir o som da flauta. Seja o que você quer, escolha o que permita ser. A escolha é sua."

quarta-feira, outubro 23, 2013

Viva.



Viver é correr riscos, é sair de casa sem ter a certeza de que vai voltar. É levantar cada manhã, sem saber se vai levantar na próxima. É dormir, sem ter a certeza de que vai acordar. Viver é perigoso, mas é divertido. Viver é trabalhar com o que realmente gosta, é usar o que quer, é fazer o que quiser da vida, levando em conta apenas a sua felicidade. Viver é estar de bem com a vida. É dar e receber carinho, é ter alguém pra contar como foi o dia. A vida às vezes é doce, outras vezes amarga. Nada sabemos sobre ela, nunca se viu mais imprevisível. É como um castelo de cartas, que em fração de segundos, pode desmoronar. É como uma roda gigante, que ora estará por cima, ora estará por baixo. Viver é não ter a vergonha de ser você mesmo. Viver é amar, é partilhar, é praticar o bem. Viver é muito mais do que existir, viver é fazer da sua existência valer a pena, é fazer a diferença. Viver é ter fome de tudo, fome da vida. Viver é assumir as consequências. A vida é muito complexa e, dificilmente, compreendida. Que não percamos tempo tentando entender a vida, apenas vamos viver. Arriscar, amar, compartilhar, vadiar, trabalhar. Viva, apenas.



"Demonstre. As pessoas não vão adivinhar o que você sente."

quinta-feira, outubro 17, 2013

Meu mundo.



Eu não preciso chorar para mostrar que estou triste. Nem gritar para dizer que sinto dor. Muito menos sorrir para Deus e o mundo para provar que sou feliz. Não preciso aparentar para ser, demonstrar para estar. Meu mundo acontece aqui dentro. E ele não é menor ou maior que o seu: é simplesmente o meu. Ele é meu com todas as letras, ele é meu em cada palavra, com todos os silêncios, com todos os incêndios. Eu ouvi meu choro, eu escutei meu grito, eu senti minha dor e eu gargalhei em paz sem precisar invadir o seu mundo com coisas tão minhas, com coisas tão lindas, com coisas tão profundas que se repetem infinitamente: aqui dentro.


“Só peço a você um favor: 
Se puder, não me esqueça num canto qualquer.”

sábado, outubro 12, 2013

Tempo.



Eu não quero pedir pela permanência de ninguém, ultimamente o que andei pedindo em minhas orações é que tudo dê certo, independente do que aconteça ou dos que terão de ir embora. Não vou pedir para que permaneça em minhas complicações, mesmo que tenha aqueles dias em que eu precise muito compartilhá-las. Fiquei me perguntando por um tempo o que vem a ser uma "menina grande", e acabei me convencendo de que sou a pessoa que não deveria enxugar as lágrimas nos ombros de alguém, era o inverso, eu me lembro bem. E apesar disso tem aqueles dias em que tudo fica mais pesado, entende? Mas tudo isso passa, tudo resolve. E se quiser ficar com o meu coração, ele está apto a receber de bom grado mas que traga amor e fé. Porque não há outra coisa que eu esteja precisando neste momento.


Tenha paciência. O que é seu chega sem você pedir!

quinta-feira, outubro 10, 2013

Sintonia.



Sei que nessa vida, tudo tem a sua hora exata e que não adianta a gente ficar empurrando com a barriga, e nem ficar dando murro em ponta de faca. O que não é pra ser, não vai ser. Um dia, quem sabe, a gente acha. Admiro as pessoas que por estar na carência, não entrega o coração ao desconhecido. Admiro também, pessoas que espera o momento certo. Por que, coração não é panfleto de rua para entregar ao primeiro que passar. O coração escolhe um outro coração. Saiba cuidá-lo do seu e do outro, para ambos, terem uma boa sintonia. Uma boa ligação. E mais pra frente, os dois se unirem e começarem a baterem em um só.

"Ainda não sei porque, mas meu coração escolheu você."

sexta-feira, outubro 04, 2013

Devagar.



"Vai devagar… Pensa duas, três, quatro, quantas vezes forem necessárias pra não fazer bobagem. Cuida do teu coração, cuidado com quem você deixa entrar. Espera o tempo passar. Acredita menos… As pessoas não são tão legais quanto aparentam ser. Quem acredita menos, sofre na mesma proporção. Até quando você achar que é verdade, desconfie um pouquinho. Faz bem não se entregar totalmente logo de cara. Se arrisca mais, por você. Tenha coragem para dizer tudo que tens aí guardado. Seja forte para conseguir se manter calada perante alguns. Muda de rumo. Quando te mandarem ir por lá, vai pelo outro caminho. Ou vai apenas, pelo caminho do teu coração. Se você não aguentar mais fingir… Chore. Depois que você acabar de chorar, vai sentir-se mais leve. E então vai levantar a cabeça, lavar o rosto, pôr uma roupa bonita no corpo, um sorriso escandalosamente lindo no rosto e dizer que chega, que você vai é ser feliz. Eu sei, é assim mesmo. E vai funcionar! Não diga “nunca”, nunca. Irônico, não? Mas não diga. Porque essa vida é incrivelmente engraçada. Mais uma coisa. Você não pode ter medo que as pessoas te machuquem, viu. Porque as pessoas vão te machucar de vez em quando, até mesmo aqueles que você mais confia e admira. Não vão fazer por mal, mas somente porque são humanos. Cometemos erros ridículos com pessoas maravilhosas. Faz parte. Não esquece que cada um é cada um. Somos diferentes. Graças a Deus, somos. Vive um dia por vez, sem pressa e sem querer ser mais rápida que o tempo. E por favor, vai ser feliz, que tu ainda tem muito por viver."
(Caio Fernando de Abreu)



"Quero uma história simples, simples e sem fim!"

quarta-feira, outubro 02, 2013

Sincera.



Nos dias atuais ser você mesmo faz com que você se torne alguém diferente do mundo. Com tantos rótulos, etiquetas, cultura que a sociedade cria está cada vez mais difícil achar alguém com personalidade própria, com opiniões feitas. E cada vez mais sinto menos vontade de continuar esperando para ver o que vai acontecer. Se é que tem como piorar o mundo! Ninguém mais se respeita, é difícil achar mulher que saiba se valorizar, assim como também está difícil achar um homem que saiba respeitar uma mulher. Crianças morando na rua sem ter o que comer, ricos esbanjando dinheiro por aí pelo simples prazer de gastar. Pessoas megalomaníacas estão invadindo o mundo cada vez mais. Já não sei aonde foi parar o respeito e a sinceridade. E o amor pelas coisas se tornou maior do que o amor pelas próprias pessoas. Pessoas essas cheias por fora, porém vazias por dentro.



"Eu queria ter nascido egoísta. Não sei só pensar em mim, não sei só me importar comigo mesmo. Esse é o problema, eu me importo demais."